"HIV/AIDS: O PODER DOS MEDICAMENTOS ANTIRRETROVIRAIS"

"Metas de tratamento 90-90-90 para todos - O poder dos medicamentos antirretrovirais"

Salvando vidas: Se a terapia antirretroviral é iniciada cedo e tomada por toda a vida, estima-se que a expectativa de vida das pessoas vivendo com HIV seja a mesma das pessoas que vivem sem o vírus.

Reduzindo a mortalidade materna: Pesquisas recentes demonstram que a oferta de terapia antirretroviral pode impedir grande parte da mortalidade materna em países muito afetados pelo HIV.

Prevenindo a transmissão do HIV de mãe para filho: Mulheres vivendo com HIV podem melhorar sua saúde e prevenir que seus filhos sejam infectados pelo HIV ao tomar medicamentos antirretrovirais durante a gravidez e pelo resto de suas vidas.

Reduzindo a transmissão do HIV entre casais sorodiferentes: Pessoas que estão vivendo com HIV e atingem a supressão da carga viral (carga viral indetectável) têm menor chance e/ou nenhuma chance de transmitir o HIV para seus parceiros não infectados.

Profilaxia pós-exposição (PEP) para prevenir a infecção pelo HIV: Um curto tratamento com a terapia antirretroviral é efetivo para impedir a infecção pelo HIV causada pela exposição acidental ao HIV ou durante sexo sem proteção.

Reduzindo o número de crianças que se tornam órfãs: Como a terapia antirretroviral aumenta a taxa de sobrevivência dos adultos, menos crianças estão se tornando órfãs. Os encargos do cuidado de base domiciliar, que geralmente recaem sobre meninas, têm diminuído e as crianças podem voltar às escolas.

Restaurando o respeito e a dignidade das pessoas vivendo com HIV: O acesso à terapia antirretroviral tem reduzido o estigma e a discriminação contra pessoas vivendo com o HIV em muitos lugares. O tratamento para o HIV tem ajudado a normalizar o HIV, que deixou de ser uma sentença de morte.

Restabelecendo o emprego: Pessoas recebendo o tratamento do HIV recuperam a força e a boa saúde, e põem fim a longos períodos de ausência no trabalho.

Profilaxia pré-exposição (PrEP) para pessoas em maior risco: Pessoas em maior risco de adquirir o HIV podem reduzir esse risco tomando uma combinação de medicamentos antirretrovirais como profilaxia pré-exposição (PrEP).

Prevenindo a tuberculose (TB), a transmissão de TB e as mortes relacionadas à TB: Pessoas vivendo com o HIV e que estão em tratamento diminuem o risco de adquirir tuberculose. Medicamentos antirretrovirais aumentam a efetividade do tratamento da TB, reduzem a mortalidade relacionada à TB e reduzem o risco de sua transmissão a outras pessoas.

FONTE: UNAIDS

Nenhum comentário :

Postar um comentário